Uncategorized

Manaus tem a 3ª maior seca já registrada e está a 28 cm da vazante histórica

Rio Negro continua descendo na capital. Seca severa atinge 60 dos 62 municípios do Amazonas

Manaus registra a terceira maior seca da história da capital, nesta sexta-feira (13). Com o Rio Negro em 13,91 metros, a cidade está a 28 centímetros da vazante histórica, registrada em 2010, quando o rio chegou a descer para 13,63 metros. 

A capital é uma das 60 cidades do Amazonas afetadas pela seca severa deste ano. Apenas dois municípios do estado estão em normalidade: Presidente Figueiredo e Apuí

A caminho da maior vazante da história da capital, com cota desta sexta, o Rio Negro atinge a terceira maior seca da cidade desde 1902, ano em que começou o monitoramento no Porto de Manaus, onde uma régua mede o nível das águas diariamente

Em 2010, na mesma data, o rio media 15,45 metros. Isso significa que o nível estava 1,54 metro mais alto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: